Prótese Dentária Fixa x Removível

A primeira diferença entre os dois modelos está na possibilidade de remoção ou não. No caso da removível, ela pode ser parcial ou total. A parcial pode ser adaptada aos elementos dentários impedindo que se solte nos sentidos cérvico-oclusal e mesio-distal através de grampos, ou mesmo por retenção (lábio/saliva). Já a prótese fixa depende de algo que a adapte, como o cimento, no elemento dentário ou que una a ele, no caso, as pontes fixas.

QUAL DAS DUAS É A MAIS INDICADA?

Existem alguns pontos a se pensar na hora de decidir qual prótese usar. Em primeiro lugar, o que determina a escolha de uma ou outra é o histórico clínico e médico do próprio paciente. Depois, há em ambas opções requisitos mecânicos, estéticos e biológicos específicos, e por isso vai depender de cada caso. Se você prefere estética e conforto, a mais indicada seriam as fixas, pois as parciais perdem nesse quesito. Já se o desejo é reduzir custos, deve-se optar pelas removíveis. Agora, se quer uma maior preservação da estrutura dentária, as fixas serão melhores.


Contato

Lucas de Oliveira, 1955, 1º andar
Petrópolis - Porto Alegre/RS

Segunda a Sexta das 8h as 18h

(51) 3022-6500 e 98044-6500

contato@sommetodontologia.com.br

  • Av. Coronel Lucas de Oliveira, 1955, 1º andar